Quando novembro chegar

De repente é novembro.

Eu sei que ainda é dia 9 de outubro. Mas depois de agosto, o ano meio que voa. A semana do dia das crianças chega e já é Natal.

Perdoem se este é mais um post reflexivo, mas nos últimos dias tenho pensado muito no existir e não viver. Setembro foi um mês de eventos, de feriado e festas; ainda assim, não consigo deixar de sentir que eu vivi entre um dia do pagamento e outro.

Hoje no trabalho tive febre. Não estou doente. Estou cansada. Não porque tenho dormido pouco, mas porque… Por quê? Por que a gente trabalha tanto, e se preocupa tanto, e fica tão cansada que tem febre?

Uma das coisas que mais tenho saudade da minha época de estudante é ir pra faculdade de ônibus. Sem preocupar com trânsito, com estacionamento. Um tempo pra não pensar em nada, só escutar música. Nossa, escutar música no ônibus era bom demais. Esquecer do mundo e imaginar como seria o vídeo clipe perfeito para aquele música, ou qual cena da minha vida ficaria perfeita com ela de fundo.

Um álbum que escutei muito nessa época foi Demon Days, do Gorillaz. Tem uma música nele que diz que “você sabe quando novembro veio quando ele já passou”, que de repente faz sentido.

Uma música estranha para uma vida estranha.

 

Um pensamento sobre “Quando novembro chegar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s