Jack White, Quentin Tarantino e um pouco de AXE

A gente sempre pode esperar coisa boa do Jack White.

Esse homem é maravilhoso. Se você só conhece ele do seu trabalho no White Stripes tá perdendo: seus projetos paralelos são sensacionais. Não só com as bandas The Raconteurs e The Dead Weather (maravilhosas), mas também coisas bacanas que ele fez como produtor e colaborador com outros artistas. O cara é foda.

Quando ouvi falar no lançamento de Blunderbuss (trabalho solo do Jack White) uns meses atrás fiquei estática com a novidade e precisei esperar pra saborear o momento. Admito que estava esperando umas mudanças por aqui e queria ter um lançamento pra quando isso acontecesse, mas não mais. É chegada a hora.

A primeira música do álbum que vai aparecer por aqui é Freedom at 21, que não satisfeita de ser linda ainda vem acompanhada de um clipe sensação. Em um mundo estilo “AXE” – onde praticamente durante todo o clipe só existe o próprio Jack White e algumas gostosas – se passa uma historinha pegando carona no estilo Tarantino. Destaque pro uso de cores e texturas do clipe que ficou muito legal. E mais legal ainda: mesmo com as cores, texturas e gostosas o Jack White ainda consegue jogar na sua cara o guitarrista que ele é.

O diretor do clipe se chama Hype Williams que normalmente trabalha com artistas voltados para rap, r&b, pop. Então não se estranhe se, assim como eu, você nunca tiver ouvido falar na figura.

Boa terça-feira!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s