paraíso perdido

Bom, sei que o post de hoje é meio arriscado. É muito, mas MUITO diferente do que a gente costuma postar aqui. Mas se a ideia é algo que dê o tom, ou que seja importante naquele dia, tenho que tentar…

Quando preciso trabalhar, concentrando 100%, música num fone me isolando do mundo é a melhor solução. Nos últimos meses, além das novas descobertas no LastFM, tenho voltado um pouco às raízes. Sim, do heavy metal melódico ao punk rock, a gente (turminha querida!) escutava. Tenho tido uns desejos musicais estranhos: Angra, Megadeath, Pantera, Type O Negative. Todos eram super comuns na época. Mas essa semana tive um súbito desejo bizarro: ouvir Paradise Lost. Era recorrente, mas ficou completamente apagado da minha memória pelo menos nos últimos 13 anos. O disco que eu mais gostava ero o ‘One second’, que os mais tradicionaizões achavam ‘muito eletrônico’. Ai ai ai ai ai… esse disco faz 15 anos esse ano. Idade que eu tinha quando escutava ele. Ui!

Fui atrás e achei um video! Escolhi a música ‘Another day’.

Saudosismo puro.  Chega a arrepiar…

Um pensamento sobre “paraíso perdido

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s