Extra-sensorial

LENINE.

CHÃO.

 

 

Difícil escrever sobre algo que te faz flutuar, que te faz ter sensações, que te faz ver com o ouvido e sentir com os olhos.

Queria mesmo falar sobre todo o show, do começo ao fim, mas ficaria algumas tantas laudas me delongando …

O show foi FODÁSTICO, pra começar. Foi sensorial, extra-sensorial, double-stereo e eterno (como disse o Bernardo), orgânico, redondo, redondo.

Vc fecha os olhos e sente a música, com suas milhares de sonoridades. Abre os olhos, tem três pessoas, três lâmpadas e um tapete felpudo vermelho. Pra ver e sentir.

Eu já falei desse trabalho novo do Lenine aqui. O Chão é um disco que me surpreendeu muito, mostrou que o Lenine não veio aqui à passeio, o cara tem uma criatividade e uma certa genialidade pra ver o mundo, pra mostrar o mundo, pra te jogar na cara a verdade sobre o mundo, e fazer isso com poesia e com arte.

Ele pegou o conceito do Chão, e aplicou isso à algumas músicas suas antigas, como A Ponte, Acredite ou não, Paciência, Rua da Passagem (esta música pra mim é uma das mais geniais dele, ele traduz muito bem os sentimentos mundanos atuais, e a versão do show está simplesmente genial). Ou seja, o show foi inesquecível. Eu veria muitas vezes.

Ele começou e terminou o show com Isso é só o começo. Vc já prestou atenção na letra dessa música? Então leia. Depois escute. E cante. Depois me conta o que vc acha de você, do mundo e de você no mundo.Das pessoas e do que elas acham que o mundo é.

Aqui chegamos, enfim
A um ponto sem regresso
Ao começo do fim
De um longo e lento processo
Que se apressa a cada ano
Como um progresso insano
Que marcha pro retrocesso
E é só o começo

Estranhos dias vivemos
Dias de eventos extremos
E de excessos em excesso
Mas se com tudo que vemos
Os olhos viram do avesso
Outros eventos veremos
Outros extremos virão
Prepare seu coração
Que isso é só o começo
É só o começo
Isso é só o começo
É só o começo

Aqui chegamos, porém
Num evento diferente
Onde a gente se entretém
Um ao outro, frente a frente
Deixando um pouco ao fundo
O ambiente do mundo
Por esse aqui, entre a gente
É só o começo

Assim nesse clima quente
No espaço e tempo presente
Meu canto eu lanço, não meço
Minha rima eu arremesso
Pra que nada fique intacto
E tudo sinta o impacto
Da ação de cada canção
Preparem-se irmã, irmão
Que isso é só o começo
É só o começo
Isso é só o começo
É só o começo

 

 

 

Ps: Foto tirada daqui.

Ps2: Engraçado, saí do show com a palavra sensorial na cabeça. Pesquisando na net agora, definitivamente, esta palavra está muito ligada ao Chão! Seja ele qual for.

Ps3: O filho do Lenine, além de gingar com o pai, é peça fundamental pra criação desse trabalho!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s